Revista de Ciências, Vol. 6, No 2 (2015)

Klebsiella pneumoniae produtora de carbapenemases (KPC) e sua importância no ambiente hospitalar - revisão de literatura

Aline de Souza Ribeiro, Amanda Rossi Poncio Vita, Ana Eliza Alves Travenzoli, Izabella Silva Figueiredo, Ludimila Santos Viana, Luiza Ferreira Molica, Marina Vieira Arthuso, Mariana Bastos Duran, Rafaela Pena Magalhães, Trycia Martins Salviano, Maria Emília de Oliveira

Resumo


Introdução: A resistência bacteriana é um aspecto importante no ambiente hospitalar, sendo que o aumento da resistência entre os membros da família Enterobacteriaceae tem culminado no aparecimento cada vez mais frequente de espécies multirresistentes. A Klebsiella pneumoniae é uma das enterobactérias associadas a infecções nosocomiais, podendo causar infecção isolada até o óbito. A frequência de Klebsiella pneumoniae produtora de carbapenemases (KPC) isoladas em pacientes em Unidades de Cuidados Intensivos em hospitais brasileiros tem sido mais alta do que nos hospitais dos EUA e Europa. Objetivo: Descrever as características da Klebsiella pneumoniae e as principais complicações causadas por este patógeno. Métodos: Levantamento bibliográfico nas principais bases de dados: Scielo e Pubmed, nas quais foram encontradas, respectivamente, 27 e 42 artigos sobre essa espécie de bactéria e a enzima carbapenemases; além de livros disponíveis na biblioteca do Instituto Metropolitano de Ensino Superior (IMES). Essas referências foram publicadas no período de 2002 a 2015. Conclusão: A KPC é um importante causador de infecção hospitalar e a incidência e gravidade de doenças nosocomiais é crescente no mundo todo. Dessa forma, o diagnóstico e tratamento rápidos e precisos, as medidas de prevenção e controle dessas morbidades são importantes para controlar a disseminação dessa bactéria multirresistente.

Texto Completo: PDF