Revista e-saúdecasu, Vol. 2, No 1 (2017)

Avaliação do impacto de um programa de educação nutricional em relação aos níveis glicêmicos dos pacientes diabéticos em hemodiálise

Wanessa de Andrade Levindo, Ana Paula da Silva Carvalho, Cynthia Anália Barbosa, Andreza de Paula Santos

Resumo


O Diabetes Mellitus faz parte de um grupo de doenças metabólicas, caracterizada por hiperglicemia. Patologia que ocasiona diversas complicações e insuficiência de vários órgãos, se tornando hoje uma epidemia mundial. O presente estudo é descritivo do tipo transversal e intervencional, cuja amostra obtida, é composta por 27 pacientes diabéticos em programa regular de hemodiálise e teve como principal objetivo avaliar o impacto de um programa de educação nutricional em relação aos níveis glicêmicos dos pacientes diabéticos em hemodiálise. Em outubro de 2013 um recordatório alimentar de 24 horas foi aplicado durante as sessões de hemodiálise visando conhecer os hábitos alimentares dos pacientes e realizada uma reunião com os familiares, que receberam informações importantes sobre a dietoterápica para o diabético em hemodiálise. Em novembro de 2013 foi entregue a cada paciente durante as sessões o novo plano alimentar e os mesmos receberam orientações nutricionais, por um mês. Para saber da adesão dos pacientes ao tratamento, foi aplicado em dezembro de 2013 um novo recordatório de 24 horas, os pacientes foram interrogados se seguiram ou não as orientações nutricionais e planejamento dietoterápico e foram comparados os exames bioquímicos de glicemia casual dos mêses de outubro e dezembro. Observa-se no presente estudo que a educação Nutricional, juntamente com uma nova rotina alimentar possui um grau de eficiência de 89% em relação aos níveis glicêmicos de pacientes diabéticos em tratamento dialítico.

Texto Completo: PDF